Oito vereadores votaram pela rejeição dos requerimentos apresentados pela presidente da Câmara Municipal de Palmas, Janad Valcari, solicitando a doação de uma área para a construção e a aprovação de financiamento para a sede da Casa Legislativa. Os parlamentares argumentaram que esta é uma demanda antiga da Casa e que o projeto para a construção do Paço Municipal já existe. A votação ocorreu durante a sessão plenária da quarta-feira, 17.

Os vereadores que votaram contra os dois requerimentos de Janad são: Folha (Patriota), Solange Duailibe (PT), Pedro Cardoso (DEM), Filipe Martins (PSDB), Eudes Assis (PSDB), Professora Iolanda Castro, Joatan (Cidadania) e Waldson da Agesp (Avante).

 O vereador Folha, que já presidiu a casa e tentou viabilizar a obra, sugeriu à atual presidente que retirasse de pauta os dois requerimentos referentes à construção da sede da Câmara Municipal, defendendo que o projeto já existe desde a sua gestão. “Trarei brevemente o documento que comprova que a Câmara já tem uma área destinada no Paço Municipal”, disse Folha quando a retirada dos requerimentos esteve em discussão no Plenário.

 “Não concedo a retirada” afirmou Janad, em resposta à Folha, argumentando que um de seus requerimentos solicita a “delimitação da área de construção da sede definitiva da Câmara Municipal de Palmas”.

Para o vereador Joatan,“esse requerimento deve ser mais debatido”, disse antes que a retirada do requerimento de Janad fosse votada.

“Tenho certeza de que os 19 vereadores têm o anseio de que a Câmara tenha sede própria, mas precisamos fazer de maneira mais exata”, argumentou a professora Iolanda, também ressaltando que a área para a construção da sede já é definida.

O posicionamento dos parlamentares contrários ao envio dos requerimentos prevaleceu no Plenário.