A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) deu aval ao Governo do Tocantins para dar seguimento ao projeto de construção de um aeródromo no município de São Félix do Tocantins, localizado na região do Jalapão. A decisão ocorreu após análise do projeto já aprovado pela Caixa Econômica Federal, e foi comunicada ao Governo no fim da tarde desta sexta-feira (24).

Segundo o governo, o projeto do aeródromo já está pronto e a infraestrutura deve contar com pista de pouso e decolagem, hangar, terminal de passageiros, estacionamento de veículos, estrutura para o Corpo de Bombeiros, dentre outros.

Após a conclusão da obra, o Governo do Estado fará uma nova solicitação junto à Anac para liberação do espaço aéreo para tráfego. A obra conta com recursos do Governo do Tocantins, do Programa de Desenvolvimento e Promoção do Turismo do Ministério do Turismo, e de emenda parlamentar. O valor total é de R$ 31 milhões, sendo R$ 21,5 milhões de contrapartida do Governo do Estado e R$ 9,55 milhões de emenda parlamentar. 

A secretária de Estado da Infraestrutura, Juliana Passarin, explicou como funciona o trâmite para viabilizar uma obra como essa. “O projeto primeiramente foi submetido à Caixa para aprovação do recurso e em seguida à Anac para essa autorização prévia, até porque a Anac só pode autorizar mediante projeto e foi o que fizemos. Ao mesmo tempo, o edital de licitação para contratação da empresa que fará a obra está sendo elaborado e deve ser aberto ainda este ano para em breve iniciarmos a construção”, explicou.

O governador Mauro Carlesse afirmou que o aeródromo vai ser mais uma maneira de incrementar o turismo na região. “Investir e melhorar os acessos ao Jalapão, trará mais turistas para o nosso Estado, esses turistas ocupam nossos hotéis, compram no nosso comércio e ajudam a desenvolver a nossa região e foi pensando nisso que nós resolvemos construir esse aeródromo”, ressaltou. 

A obra faz parte do programa “Tocando em Frente”, que prevê um investimento total de R$ 312,2 milhões em obras na região do Jalapão. Além do aeródromo e da rodovia TO-247 que já está em construção, está prevista ainda melhoria da infraestrutura urbana em todos os municípios e construção/ampliação/reforma de unidades escolares.  

O pacote de ações visa o desenvolvimento da região e a atração de mais turistas para o Estado. Dados do “Observatório do Turismo” desenvolvido pela Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa do Tocantins (Adetuc), mostram que até o último mês de junho, somente o atrativo natural das Dunas recebeu 23.515 visitantes.