A Justiça do Pará suspendeu o embargo da balsa que liga Araguacema ao Pará e a travessia voltará a ser feita em 2020 após quatro anos de paralisação. A informação é da senadora Kátia Abreu (PDT), que comemorou a suspensão do embargo.

Para Katia a luta foi grande, mas a recompensa ao povo dos dois estados veio em forma de presente. “Foram seis meses de trabalho duro junto ao judiciário do Pará e ganhamos um grande presente de Natal” afirmou.

O Ministério Publico estadual de Conceição do Araguaia (PA) embargou a travessia pela balsa há quase 4 anos por questões ambientais, e desde então não é realizada.

A senadora contatou pessoalmente o Procurador Geral de Justiça e ao Tribunal de Justiça do Pará e demonstrou os prejuízos sociais causados à população dos dois estados. Todos se sensibilizaram em favor do povo que sofria com a paralisação, em especial aos moradores das cidades fronteiriças. Brevemente será retomada a travessia da balsa.

Kátia, ainda, fez questão de exaltar e agradecer o trabalho em equipe. “Tivemos também o apoio da Justiça do Tocantins junto aos colegas do Pará.  A união fez a força e juntos iremos conseguir amenizar o sofrimento da nossa gente” agradeceu.

A deputada Dorinha Seabra (DEM-TO), conseguiu junto ao IBAMA, em Brasília – DF, a declaração do órgão atestando que o licenciamento seria de responsabilidade do estado ou do município do Pará.