A Prefeitura de Araguaína implantará radares eletrônicos para monitorar o limite de velocidade e avanço ao sinal vermelho e sobre faixas de pedestre, a partir de dezembro. Serão novos 14 pontos de fiscalização nas principais avenidas da cidade e vias movimentadas dentro dos bairros. O objetivo é evitar acidentes de trânsito, principalmente os relacionados às infrações de sinalização.

A escolha dos pontos leva em consideração estudos com dados da PM (Polícia Militar), do Corpo de Bombeiros e do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). “São locais com acidentes de trânsito frequentes, sendo o excesso de velocidade e a imprudência os maiores motivos”, afirmou o diretor de Engenharia e Planejamento da ASTT (Agência de Segurança, Transporte e Trânsito), Antônio Ferraz Júnior.

Além disso, o diretor aponta o desenvolvimento de Araguaína como fator que contribui para mais acidentes. “O trânsito vem ficando mais rápido com a troca do asfalto de má qualidade pelo pavimento de qualidade em toda cidade. Essa agilidade também traz um risco de acidentes no trânsito, que precisa ser regulado”. Desde 2013, foram pavimentados 700 km com CBUQ (concreto betuminoso usinado a quente), entre a recuperação de vias e bairros que receberam infraestrutura pela primeira vez.

Dados

As estatísticas apontam que houve um aumento de 22,90% nos acidentes de trânsito em Araguaína de 2018 para 2019, um salto de 1.087 para 1.336. No ano seguinte (2021), mesmo com a pandemia da covid-19 restringindo a circulação de pessoas nas ruas, houve registro de 1.098 colisões.

Nos bairros

Dentre esses locais que ganharam velocidade e receberão monitoramento está a Avenida Blumenau, no Setor Itaipu, onde os moradores deixaram de sofrer com a erosão e poeira. Também dentro dos bairros, a recuperada Rua Falcão Coelho, nas proximidades da central da BRK, no Bairro São João, terá implantado um radar para fiscalização da velocidade dos veículos.

Outras movimentadas vias internas que terão o sistema de monitoramento serão a Rua Rodoviária, na região do Colégio Militar, no Setor Coimbra; o cruzamento entre as ruas Dom Bosco com a Ademar Vicente Ferreira, no Setor Alaska; e ainda o cruzamento triplo no Bairro Eldorado, entre as avenidas Anhanguera, dos Administradores e Princesa Isabel.

Dentre as principais vias de Araguaína, haverá novos pontos com radar de velocidade na Avenida Cônego João Lima, no início do Jardim dos Ipês; Avenida Tocantins, nas proximidades do Ministério do Trabalho, no Setor George Yunes; e na Avenida Filadélfia, em frente ao Unitpac (Centro Universitário Tocantinense Presidente Antônio Carlos) e na área da antiga Feirinha.

Segurança ao pedestre

Para garantir mais segurança também ao pedestre, onde já há semáforo para regular o trânsito, além do monitoramento da velocidade haverá fiscalização do avanço ao sinal vermelho e sobre a faixa.

Esses novos equipamentos serão instalados nos cruzamentos da Avenida Castelo Branco com a Rua Teresina, em frente ao antigo Fórum, no Setor Brasil; entre as avenidas Marginal Neblina com José de Brito Soares, no Centro; na ligação das avenidas Filadélfia e Anhanguera, na Vila Aliança; na conexão entre as avenidas Cônego João Lima e Tibúrcio Dantas, no Setor Urbanístico; no semáforo entre as ruas Dom Bosco e Ademar Vicente Ferreira, no Setor Alaska; e na união da Avenida Santos Dumont com a Rua F, que é conexão entre muitas avenidas passando em frente ao Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), no Setor Rodoviário. (Da assessoria de imprensa)