Bolsonaristas do Tocantins confirmaram nesta segunda-feira, 23, que sete caravanas do Estado irão até Brasília para participar da manifestação de 7 de setembro, quando se comemora a Independência do Brasil. O movimento ocorrerá em meio à escalada da crise entre os Poderes, deflagrada pelo presidente Jair Bolsonaro com ataques ao STF e até o pedido de impeachment de ministros.

Com isso, as forças militares que cuidam da segurança do Congresso e da Esplanada dos Ministérios, conforme o Correio Braziliense, estão em estado de alerta. De acordo com o jornal, apesar de ainda não existir nenhum planejamento especial em relação ao dia, os militares estão preparados para conter qualquer possível ação violenta.