O vereador de Palmas Mauro Lacerda (PSB), conhecido politicamente como Lacerda do Gás, pediu afastamento por 121 dias na quarta-feira (30). Ele alegou motivos de saúde, mas a assessoria da Câmara não detalhou quais os problemas que está enfrentando. É o segundo parlamentar que se afasta pelo mesmo motivo em menos de 10 dias na capital, na última terça-feira (22), Moisemar Marinho (PDT) pediu a licença.

Temporariamente, a vaga de Lacerda será ocupada pelo suplente Epitácio Brandão Filho (PSB). Ele tomou posse nesta quarta-feira, em sessão extraordinária e solene. “Procurarei fazer juz ao cargo que ora assumo com muito orgulho. Prometo, no tempo em que estiver nessa Casa de Leis, dar o meu melhor, honrar a função do agente político, tendo como base os principais princípios éticos. Procurarei deixar um legado digno e também aprender com todos vocês”, disse ele.

Na semana passada, para o lugar de Moisemar Marinho, assumiu temporariamente o suplente Nego do Palácio.

Na eleição de 2020, o vereador Mauro Lacerda teve 1.161 votos válidos e ficou com uma das duas vagas conquistadas pelo partido no pleito. A outra é ocupada por Júnior Brasão. Lacerda está no primeiro mandato como parlamentar.

Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.