O patrimônio declarado à Justiça Eleitoral pelos quatro candidatos a prefeito de Araguaína varia de R$ 200 mil até R$ 955 mil, ou seja, nenhum deles é considerado milionário.

O candidato mais rico é médico Hugo Mendes (PRTB), que declarou patrimônio de R$ 955 mil, sendo quase metade proveniente de duas casas e o restante de dois carros, participação societária em empresa privada e investimentos no mercado de renda variável.

Patrimônio do candidato Hugo Mendes (PRTB)

O segundo maior patrimônio declarado é do candidato da base governista municipal, Wagner Rodrigues (Solidariedade), no total de R$ 779.996,19 em bens, provenientes de dois apartamentos (em Goiânia e Brasília), uma casa residencial no Jardim Filadélfia, em Araguaína, e um veículo.

Patrimônio do candidato Wagner Rodrigues (SD)

O terceiro maior é do deputado estadual Elenil da Penha (MDB), que informou à Justiça Eleitoral patrimônio de R$ 441.580,34 – sendo mais de R$ 370 mil em disponibilidade financeira e dois lotes (um no Distrito Novo Horizonte, em Araguaína, e outro em Luzimangues, município de Porto Nacional).

Patrimônio do deputado Elenil da Penha (MDB)

O menor patrimônio é o do juiz aposentado Leador Machado (PT), que declarou possuir apenas uma casa no Setor Araguaína Sul, onde mora, avaliada em R$ 200 mil.

Por Conteúdo AF Notícias

Foto: Divulgação