Em matéria publicada em seu site no início da tarde deste domingo, 5, a Folha de São Paulo afirmou que o candidato do PDT ao Palácio do Planalto, Ciro Gomes, escolheu a senadora Kátia Abreu como sua candidata a vice-presidente e que o anúncio oficial será feito na manhã desta segunda-feira, 6, na sede nacional do PDT, em Brasília (DF).

 Com apenas o apoio de um partido em sua coligação, o Avante, Ciro teria optado por uma solução caseira, já que a senadora trocou o MDB pelo PDT em abril, diz a Folha.

 Segundo o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, a escolha ocorre em razão da representatividade da senadora no Centro-Oeste e Norte, e ao seu perfil combativo. “Ela é uma mulher de honra e que foi firme contra o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff”, disse.

 A opção também deveu-se à interlocução da senadora junto ao setor ruralista. Kátia já foi Ministra da Agricultura e por muitos anos foi presidente da CNA (Confederação Nacional da Agricultura).

 Neste domingo, a assessoria da senadora afirmou que Kátia não participará da convenção do PDT no Tocantins, pois foi convocada pela Nacional do partido a acompanhar a convenção que anunciará o nome de Ciro à disputa pela presidência do país.

 Recentemente, a senadora recebeu convite pessoal de Ciro Gomes para fazer parte da equipe que irá desenvolver seu plano de governo e aceitou. A parlamentar vai desenvolver as propostas do Plano de Governo de Ciro voltadas especificamente à agropecuária. Ciro escolheu a senadora por seu know-how na área.