A deputada estadual Claudia Lelis (PV) apresentou emendas aditivas relacionadas a melhoria da infraestrutura, desenvolvimento e mobilidade urbana, além de projetos para incentivar, aquecer e fomentar o setor turístico estadual nos próximos anos. Os projetos tem o objetivo de aperfeiçoar e contribuir com texto do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) do Tocantins para o exercício de 2022.

A LDO 2022 prevê um orçamento com receitas e despesas de R$ 11,4 bilhões. O aumento será de R$ 540 milhões em comparação com a LDO de 2021, que vc que chegou a R$ 10,9 bilhões.

“Como parlamentar estou buscando dar minha contribuição na elaboração final da LDO e precisamos ter em mente que somente com recursos garantidos para alavancar o turismo, preservar o meio ambiente e organizar nossos municípios vamos avançar no desenvolvimento sustentável e econômico do Tocantins’, defendeu Claudia Lelis.

Propostas

  • Viabilizar soluções para Infraestrutura, Mobilidade e Desenvolvimento Urbano. Construir uma ciclovia paralela à TO – 030, no trecho que liga Palmas ao distrito de Taquaruçu. Proposta elaborada em conjunto com o deputado estadual Léo Barboza.
  • Ampliar o fluxo turístico nacional e internacional no Tocantins. Aquecer e fomentar o setor do turismo por meio de investimentos em serviços de promoção, capacitação e divulgação turística. Ações ambientais de responsabilidade social.

O que é LDO

A LDO orienta a elaboração do orçamento anual e sua execução, com orçamento previsto, por exemplo, para o executivo, judiciário e legislativo, além do Tribunal de Contas, Ministério Público e Defensoria Pública. (Da assessoria de imprensa)