A construção do primeiro Centro de Canoagem de Araguaína iniciou nesse domingo (12/9). O novo polo esportivo está sendo construído na Via Lago e terá estrutura para receber competições a nível nacional.

Segundo a prefeitura, a obra está na fase de construção do aterro com muro de gabião para contenção da área de quase 8 mil metros quadrados.

Esse centro será uma referência para toda a Região Norte. O nosso Lago Azul é relativamente estreito, o que é excelente para o esporte porque a lâmina d’água sempre está lisa, sem onda. A longo prazo esperamos ter atletas disputando competições de nível internacional, como as Olimpíadas”, afirmou o prefeito de Araguaína, Wagner Rodrigues.

Crescimento da região

O prédio do Centro de Canoagem será implantado no final da Via Lago, com acesso pela avenida na faixa contrária a que dá acesso a Praia. A região já conta com o Complexo Poliesportivo Pedro Quaresma e em breve haverá um shopping center.

A construção do centro tem investimento de R$ 4,5 milhões, destinados pelo senador Eduardo Gomes, e de R$ 100 mil de contrapartida do Município.

Local amplo

O projeto prevê três salas de aula para 105 alunos, além de sala de reunião com 50 assentos, uma piscina para as primeiras remadas, vestiários e banheiros com acessibilidade, academia, cozinha, refeitório, sala de primeiros socorros, depósitos, oficinas e áreas administrativas.

A área construída de 1.719 metros quadrados será cercada com alambrado e haverá guarda-corpo na parte externa e ao longo do píer que dá acesso ao lago.

Testado com sucesso

Em dezembro de 2019, competidores de Araguaína e de vários estados do País participaram do 1º Desafio Brasileiro de Canoagem Velocidade no Lago Azul, que marcou a implantação da prática esportiva no Município.

O evento contou com Fernando Rufino, o “cowboy de aço”, medalhista de ouro nas últimas Paraolimpíadas; o cubano Jorge Garcia, medalhista de ouro por cinco vezes nos Jogos Pan-Americanos; e a campeã brasileira Luciana Costa.