Um posto militar sul-coreano foi atingido por tiros vindos do lado norte-coreano da fronteira entre os dois países, informou o Exército da Coreia do Sul.

O posto de guarda sul-coreano foi alvejado várias vezes. Ninguém ficou ferido e a Coreia do Sul respondeu com dois disparos em direção à vizinha — não há informação sobre feridos.

O confronto ocorreu um dia depois que a Coreia do Norte informou a primeira aparição pública de seu líder Kim Jong Un em cerca de 20 dias, em meio a intensas especulações seu estado de saúde. O motivo dos disparos, no entanto, ainda é desconhecido.