Uma distribuidora de bebidas localizada na Arse 21 (204 Sul), nas proximidades da avenida NS-02, região central de Palmas, foi fechada por reincidência no descumprimento das medidas contra a covid-19.

O local promovia aglomeração e desrespeitava o horário de funcionamento determinado em decreto pela Prefeitura de Palmas (22 horas), além de dificultar o trabalho das equipes de fiscalização.

A ação foi registrada durante o patrulhamento de operação integrada resultando ainda na aplicação de cinco notificações e três autos de infração pelos fiscais de Postura.

Já os fiscais da Vigilância Sanitária Municipal (Visa) emitiram quatro autos de infração e quatro termos de visita técnica e orientações para estabelecimentos monitorados que não estavam cumprindo os protocolos sanitários de prevenção e higienização.

Os trabalhos tiveram início por volta das 19h30, e as equipes percorreram, em comboio, as regiões central e norte da cidade, direcionando os trabalhos aos estabelecimentos comerciais dos segmentos de bares e restaurantes distribuídos em pontos estratégicos de Palmas.

Também foram atendidas denúncias de irregularidades, por meio do Sistema Integrado de Operações (Siop), a exemplo da distribuidora de bebidas fechada, que no final da semana passada já havia sido autuada por funcionar fora do horário permitido.

No momento da abordagem na distribuidora, ao notar a presença dos fiscais, as portas do estabelecimento foram fechadas. E os responsáveis, que minutos antes faziam o atendimento direto ao público, não responderam aos chamados da guarnição, dificultando o trabalho dos servidores. Diante dos fatos e da constatação de pessoas consumindo bebidas na porta do estabelecimento, foi lavrado o documento para o fechamento (embargo) da distribuidora.

Trânsito

Os trabalhos da ação conjunta foram finalizados na Praia da Graciosa, já na madrugada deste sábado. No local, onde as equipes de fiscalização têm se deparado com grandes aglomerações e perturbação de sossego, os agentes de Trânsito e Transporte, após consulta da documentação, fizeram a remoção de quatro veículos, sendo que um estava circulando sem placas há mais de um ano.

O trabalho dos agentes terminou com 18 autos de infração, quatro remoções de veículos, uma recusa por alcoolemia e com o recolhimento de uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Ação conjunta

Os trabalhos são comandados pela Diretoria de Fiscalização Urbana da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Serviços Regionais (Sedusr) e realizada em conjunto pelas equipes da Vigilância Sanitária e de Obras e Posturas, com o apoio operacional dos agentes de Trânsito e Transporte, Guarda Metropolitana de Palmas, Polícia Militar, Polícia Civil, Grupo de Operações Táticas Especiais (GOTE), Corpo de Bombeiros Militar, equipe da Cidadania e Justiça, do Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (Detran-TO) e o Procon – TO.