O dono de um circo foi detido em Porto Nacional, a 60 quilômetros de Palmas, por furtar energia elétrica. De acordo com a Polícia Civil, o homem é suspeito de fazer duas ligações clandestinas na rede elétrica para abastecer um gorila metálico de 11 metros de altura que imitava o King Kong e também os trailers dos artistas. Ele foi liberado após pagar uma fiança de R$ 2,5 mil.

O circo está instalado em Porto Nacional desde o dia 4 de julho. A administração chegou a solicitar uma ligação temporária de energia para a empresa que fornece o serviço na cidade, a Energisa Tocantins. A ligação, de acordo com a polícia, foi feita com uma previsão de consumo de pouco mais de R$ 1 mil, muito inferior ao que era de fato utilizado. A detenção dele aconteceu na tarde desta sexta-feira (14).

A projeção da companhia de energia é de que o prejuízo seja de aproximadamente R$ 6 mil. Apenas a estrutura do gorila metálico tinha equipamentos de iluminação e som que demandavam grande quantidade de energia. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada na Repressão a Furtos praticados contra Concessionárias Prestadoras de Serviços Públicos.
(Com informações G1)