Durante solenidade de assinatura de ordem de serviço para pavimentação asfáltica da TO-247, entre Lagoa do Tocantins e São Felix, realizada hoje no município de Lagoa do Tocantins, o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, defendeu o presidente Jair Bolsonaro e rebateu as críticas relacionadas a atuação do gestor na pandemia. “Ele está atento aos problemas nacionais gerados pela pandemia, por isso que já enviou para o Tocantins R$ 116 milhões para o combate a Covid-19”, disse ele.

Neto destacou a situação do Brasil em relação a vacinação e acusou a imprensa de omitir os dados da vacinação. “O vacinômetro mostram que já foram distribuídas 47 milhões de doses, nós somos o quinto país do mundo em número de vacinas distribuídas e isso a imprensa não mostra”, disse.

O ministro veio ao Tocanins para assinar um ato de liberação de recursos do Ministério do Turismo na ordem de R$ 19 milhões para a Agência de Fomento do Tocantins. Os recursos têm como objetivo preservar empregos e empresas no setor.

A linha de crédito será voltada a segmentos de micro, pequenas e médias empresas para auxiliar empreendimentos turísticos cadastrados no Cadastur, no cenário de crise, com taxas e prazos diferenciados, de forma a minimizar os efeitos da pandemia e contribuir com a preparação do setor para a retomada das atividades turísticas.