Vitorioso na consulta pública e nomeado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Luís Eduardo Bovolato tomou posse na tarde de domingo, 26, para mais um mandato como reitor da Universidade Federal do Tocantins (UFT). A solenidade ocorreu no campus de Araguaína e contou com a presença do ministro da Educação, Milton Ribeiro.

 “Ser reconduzido ao cargo também marca o reconhecimento e confiança, pela comunidade acadêmica, do trabalho que vem sendo desenvolvido – primeiro, com a professora Ana Lúcia Medeiros e, agora, junto ao professor Marcelo Leineker [vice-reitor], tendo a oportunidade de seguirmos à frente da Reitoria por mais um período. É muito cristalino, para nós, o tamanho da responsabilidade que temos, não somente com as questões da UFT, mas, no momento, também com a transição da Universidade Federal do Norte do Tocantins (UFNT). São novos tempos: temos de preparar a Universidade para o cenário pós-pandêmico e seus desafios, que são muitos”, discursou o gestor.