Os três detentos que fugiram  da Casa de Prisão Provisória de Guaraí foram recapturados após uma longa negociação com a Polícia Militar (PM). Durante a fuga os homens armados com pistola e fuzil fizeram reféns, incluindo um agente penitenciário, e roubaram carros.

A fuga foi registrada durante a tarde e a rendição ocorreu no fim da noite. Os policiais faziam buscas na cidade quando os suspeitos pararam em um bloqueio feito pela PM.

Um policial e um agente penitenciário começaram a negociar a rendição dos homens e libertação dos reféns. Foram cerca de três horas até eles se entregarem. Não houve resistência e nenhuma vítima estava ferida.

Segundo a PM, durante a fuga os detentos roubaram dois carros e duas armas de fogo. Após a captura eles foram levados para a delegacia da Polícia Civil.

A Secretaria de Cidadania e Justiça, responsável pelo sistema prisional no Tocantins, foi questinada, mas não informou como os presos conseguiram escapar. O caso vai ser investigado.

As informações são do  G1 Tocantins.