Uma  equipe do Tocantins do Centro de Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) da Secretaria da Segurança Pública (SSP-TO) está realizando voo de monitoramento, transporte de brigadistas e lançamentos de água pelo helibalde na Serra Geral em Natividade, na região sudeste, a 200 km de Palmas.

O objetivo é dar combate às dezenas de focos de incêndio que há quatro dias provocam queimadas na Serra Geral. Dessa forma, o Governo do Tocantins, em um trabalho integrado entre as equipes da Defesa Civil Estadual e Municipal, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Natividade e sete brigadistas. A aeronave Tocantins 1 está dando suporte para que, em terra, as equipes possam agir com efetividade e apagar os focos. Além disso, a Tocantins 1 fez, no período da manhã, 16 lançamentos de água com o helibalde.

O trabalho das equipes prossegue na tarde desta segunda-feira, 17. Conforme afirma o diretor Executivo da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, major Alex Matos Fernandes, do Corpo de Bombeiros, o objetivo é dar efetividade ao combate aos focos de incêndio. Para isso, o trabalho integrado das equipes que estão no local é de vital importância para o sucesso da operação. Segundo o major Matos, pela manhã, foram realizadas ações de avaliação preliminar, lançamentos de brigadistas no local e o combate aos focos.

Conforme o operador aerotático do Ciopaer, piloto major Dennys Dalla, a operação no local é delicada, de difícil acesso e, na segunda-feira, foi ainda mais difícil por conta das condições climáticas: muito quente e com ventos. “Mesmo assim, conseguimos fazer o monitoramento e passar a localização dos focos para as equipes”, observou o major Dalla, ao ressaltar que também foram realizados 16 lançamentos de helibalde pela manhã e que a meta, para o período da tarde, é fazer o mesmo número de lançamentos.

Ciopaer

A Diretoria do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) é vinculada à Superintendência de Segurança Integrada da Secretaria de Estado da Segurança Pública do Tocantins. O Ciopaer é composto por agentes das Forças de Segurança, sendo: Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.