Rogério Marques da Silva, de 39 anos, morreu  ao tentar atravessar a pé o rio Manoel Alves, em São Valério, no sudeste do Tocantins. Amigos disseram que ele não sabia nadar, mas decidiu fazer a travessia mesmo assim porque achou que o nível da água estava baixo e que poderia se apoiar nas pedras para chegar ao outro lado.

O homem acabou afundando e sendo arrastado pela correnteza. O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas quando chegou ao local Rogério Marques já tinha morrido. O corpo dele foi resgatado no começo da tarde, a cerca de 300 metros do ponto em que ele desapareceu. A perícia e o Instituto Médico Legal foram chamados.

Os amigos da vítima relataram ainda que ele estava trabalhando em uma fazenda da região e que havia aproveitado uma folga para pescar com os colegas de trabalho. O trecho do rio onde o acidente aconteceu fica a cerca de 45 quilômetros do centro de São Valério.

As informações são do  G1 Tocantins.