Um incêndio florestal de grande intensidade mantém em alerta nesta quarta-feira (15) as autoridades da Califórnia, assim como segue obrigando o fechamento do Parque Nacional Secuoya, onde estão algumas das árvores mais volumosas do mundo.

Hoje, em comunicado, o Serviço Nacional de Parques dos Estados Unidos confirmou que o local está com acesso do público restrito, já assim como rodovias, centros de visitação, alojamentos e zonas de acampamentos, devido ao avanço das chamas.

No Parque Nacional de Secuoya está na Giant Forest, onde se localizam cinco das dez maiores árvores do mundo em volume, entre elas, uma famosa sequoia conhecida como General Sherman, que é considerada a maior do planeta, com 83,3 metros de altura e 11, metros de diâmetro, além de mais de 2,3 mil anos de idade.

O perigo de que as chamas alcancem essas árvores milenares é considerado “potencial”, mas não “iminente”, segundo os responsáveis pelo parque.

As chamas, que foram batizadas de KNP Complex, se tiveram início na última sexta-feira, após a queda de um raio e já devastaram 2,8 mil hectares, de acordo com boletim mais recente. Os bombeiros ainda não tiveram qualquer êxito na contenção do fogo.

Dezenas de incêndios florestais são considerados ativos na Califórnia, no entanto, as condições climáticas fazem com que a situação seja mais controlada do que julho e agosto deste ano.

O Dixie, por exemplo, que está localizado na região vulcânica do Parque Nacional Lassen, queimando desde julho, é o segundo maior já registrado no estado, com 389 mil hectares devastados. Os bombeiros já conseguiram conter 75% das chamas.