O Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Tocantins (Igeprev-TO), órgão responsável pelas aposentadorias dos servidores públicos estaduais do estado, relatou nesta terça-feira (20) ter sofrido um ataque hacker. Equipes da Polícia Civil e da Agência de Tecnologia do Estado foram chamadas para ajudar a contornar o problema.

Ainda não foi informado que tipo de informações os criminosos tentaram obter e nem quais sistemas podem ter sido comprometidos. O Igeprev disse que o atendimento presencial das pessoas que tinham feito agendamento continua normalmente. Após os técnicos encontrarem uma solução, serão enviados protocolo de cadastro no sistema a quem precisar atualizar algum dado.

O G1 procurou a Polícia Civil para saber como está a investigação e aguarda retorno.

Ainda segundo a nota do Igeprev, o pagamento da folha dos inativos está mantido, para o dia 31 de julho.

Em nota, o instituto disse que peritos estão trabalhando para apurar os fatos e pediu desculpar por eventuais transtornos.

Por  G1 Tocantins.