A diocese de Porto Nacional confirmou  o cancelamento da edição de 2020 da Romaria do Senhor do Bonfim. O evento reúne a maior peregrinação religiosa em todo o estado e é realizado há mais de 200 anos no povoado do Senhor do Bonfim, perto de Natividade. A tradição é tão antiga quanto o município, que foi o primeiro a ser fundado no território que hoje pertence ao Tocantins.

O motivo do cancelamento é a pandemia do novo coronavírus. Não há como realizar a peregrinação sem que haja aglomerações. No ano passado, por exemplo, a romaria atraiu cerca de 500 mil pessoas nos 11 dias de evento. Ele estava previsto para o começo de agosto.

A tradição é de que os romeiros saem do centro de Natividade a pé ou de bicicleta para ir até o povoado. São 23 quilômetros de distância de um ponto a outro. Como demonstração de fé, muitos optam por percorrer caminhos ainda mais longos, com moradores de Gurupi, Porto Nacional e em alguns casos até Palmas indo ao local caminhando ou pedalando. As distâncias frequentemente chegam próximas a 200 km.

A tradição veio da Europa junto com a colonização portuguesa e acabou se tornando muito popular no Brasil. Eventos semelhantes também são realizados em outras partes do país. A Diocese ainda não informou se fará celebrações na internet ou alguma outra forma de homenagem em 2020.

As informações são do G1 Tocantins