A portaria que designa a comissão responsável pela organização do próximo concurso para Oficial da Polícia Militar do Tocantins foi publicada no Diário Oficial do Estado da segunda-feira (18). Estão previstas 30 vagas.

A comissão é composta por cinco policiais militares e será presidida pelo Chefe do Estado Maior da PMTO, coronel Márcio Antônio Barbosa de Mendonça. Os outros integrantes são Lorena Alfonso Cavalcante Fernandes, Carmem Rosa Almeida Pereira e Thiago Monteiro Martins.

Os oficiais são capacitados para o exercício das funções de chefia, comando e execução dos diversos serviços e atividades inerentes à PMTO.

Último concurso concluído exigiu nível médio

O último concurso para Oficial da PM do Tocantins foi realizado ainda em 2009 e teve como banca organizadora a Comissão Permanente de Seleção da Universidade Federal do Tocantins (Copese).

Na época, entre os requisitos para ingresso, foi exigida a comprovação de conclusão de curso de nível médio no ato da admissão. Já o certame lançado em 2018 exigiu nível superior em qualquer área, no entanto, ele foi cancelado em razão de fraudes. Na época, o subsídio do Aspirante a Oficial era de R$ 8.493,50.

Concurso para Soldado em andamento

As inscrições do concurso que oferta 1.000 vagas para Soldado 2ª Classe (sexos masculino e feminino) estarão abertas até o próximo sábado (23). A banca organizadora é o Cebraspe – Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos.

O subsídio durante o Curso de Formação será de R$ 1.665,50 e depois de formado, de R$ 3.330,99.

As fases do último concurso concluído para oficial estão aqui.

O certame em execução para praças pode ser encontrado neste link.