A Secretaria da Segurança Pública (SSP–TO) entregou as novas instalações da 5ª Central de Atendimento da Polícia Civil em Araguaína. Na oportunidade também foram entregues 30 novos computadores para o município.

Com mais espaço, mobiliário e novos computadores, além de outros dispositivos de informática, o prédio foi remodelado para oferecer mais conforto e comodidade aos policiais civis e demais servidores da Segurança Pública que exercem suas funções no local.

Além dos registros de ocorrências, a Central de Atendimento da Polícia Civil também é responsável por processar todos os autos de prisões em flagrante ocorridos em Araguaína e mais de 15 municípios que fazem parte da 1ª Delegacia Regional e também receber as ligações que são realizadas diariamente por meio do telefone 197.

O secretário da Segurança Pública, Cristiano Sampaio, que acompanhou o evento, disse que outros cerca de 700 computadores serão distribuídos às demais delegacias do Estado. “O objetivo do governo é fazer uma gestão de forma descentralizada e estamos trabalhando para atender a todos os municípios do Tocantins”, ressaltou.

Conforme a SSP, a nova estrutura da 5ª Central de Atendimento propiciará mais celeridade no atendimento a todos os cidadãos que precisam registrar ocorrências e representa o fortalecimento da atuação da Polícia Civil no segundo maior município do Estado. “Ficamos gratos em ter um espaço que trará mais dignidade ao nosso trabalho. O efetivo da Polícia Civil ganha e a sociedade também, que será atendida em um espaço adequado” agradeceu a delegada regional de Araguaína, Ana Maria Barros Varjal.

Presenças

O evento contou com as presenças do Secretário da Segurança Pública, Cristiano Barbosa Sampaio, da delegada geral da Polícia Civil, Raimunda Bezerra de Souza, da diretora de Polícia do Interior (DPI), delegada Melicia Rezende Ganzaroli de Ávila, da diretora-chefe da Diretora de Combate a Corrupção e ao Crime Organizado (DRACCO), Ana Carolina Coelho Marinho Braga, da delegada regional de Araguaína, Ana Carolina Barros Varjal, da superintendente de Administração e Finanças da SSP-TO, Mariana Rodrigues, além de policiais civis e demais servidores da 1ª DRPC