Enquanto o deputado federal Tiago Dimas (SD) manifestou “descontentamento” com o governo estadual por não reconhecer os recursos da bancada federal que garantiram a compra de aparelhos de ultrassom aos municípios, a senadora Kátia Abreu (Progressistas) decidiu denunciar o deputado estadual Olyntho Neto (PSDB) por “mentir” nas redes sociais. O tucano repercutiu uma publicação que destaca a sua “articulação” neste processo de distribuição dos equipamentos. A congressista não aprovou a manifestação. “Mente à população do Tocantins sobre os equipamentos de ultrassom viabilizados exclusivamente com recursos dos deputados federais e senadores. Que falta de ética”, escreveu.

Destinação aos municípios que realmente necessitavam

Por outro lado, o tucano não recuou e argumentou que sua articulação aconteceu junto ao governo estadual para que os equipamentos fossem destinados aos municípios que “realmente necessitavam”. “Bancada federal, governo estadual e Assembleia Legislativa cumprindo seu papel em defesa dos municípios”, concluiu.