A Secretaria Municipal da Saúde de Palmas (Semus) dá continuidade à vacinação contra a Covid-19 nesta terça-feira, 10, em 22 Unidades de Saúde da Família (USFs) para a população com mais de 30 anos e os públicos prioritários. Do número, sete unidades aplicarão apenas a primeira dose, oito irão administrar a segunda dose e o restante, sete pontos de vacinação, fornecerão as duas doses. 

 

A Semus destaca que a população fique atenta aos locais e horários que estão elencados logo abaixo. O agendamento para as ações de imunização está disponível na plataforma online da Semus. Acesse ao clicar aqui

 

Podem se vacinar trabalhadores da indústria (CNAEs5, 36, 37, 38, 39, 53, 59, 60 e 61), limpeza urbana, transporte urbano, educação, saúde, bancários com os nomes enviados pelas instituições, pessoas com comorbidade acima de 18 anos e, ainda, as grávidas e puérperas (até 45 dias pós-parto) acima de 18 anos.

 

A superintendente de Atenção Primária e Vigilância em Saúde da Semus, Gilian Cristina Barbosa, ressalta a importância da segunda dose para garantir a eficácia das vacinas. “Vale lembrar que a segunda dose torna o esquema vacinal eficaz, pois produz anticorpos e garante mais chances de imunidade contra a enfermidade. A previsão para o mês de agosto é de que 28 mil pessoas recebam a segunda dose”, afirma. 

 

Documentação 

 

Ao comparecer às unidades, não esqueça de levar o cartão de vacina e documento de identificação pessoal. É necessário levar uma cópia do comprovante de endereço, documentos pessoais (RG, CPF ou CNH), cartão de vacina, cartão do SUS e, caso precise, laudo que comprove a comorbidade ou declaração que ateste o vínculo empregatício (cópia da carteira de trabalho, contracheque, dentre outros).

 

Grávidas

 

No caso das grávidas e puérperas, é necessário apresentar documento com avaliação médica individualizada que comprove que foi orientada sobre os riscos e benefícios para a tomada de decisão. Este documento deve ser solicitado ao médico, seja da rede pública ou privada, que faz o acompanhamento da gestante. Além dos documentos citados acima, também deve ser apresentada a caderneta da gestante (para as grávidas) ou a declaração de nascido vivo ou natimorto (para puérperas). A gestante com comorbidade ainda deve apresentar declaração ou laudo médico que comprove as doenças.

 

Unidades para primeira dose – 09 a 11 de agosto

 

13 às 17 horas

 

– USF Isabel Auler – 207 Sul (Arso 23)

– USF 405 Norte (Arno 42)

– USF Loiane Moreno Vieira – 210 Sul (Arse 24)

– USF Valéria Martins Pereira – 1.206 Sul (Arse 122)

– USF José Hermes Rodrigues Damaso (Setor Sul)

– USF Santa Fé

– USF Laurides Milhomem (Jardim Aureny III)

 

Unidades para a segunda dose – 09 a 11 de agosto

 

13 às 17 horas

 

– USF 406 Norte (Arne 53)

– USF 603 Norte (Arno 71)

– 108 Sul (Arse 13)

– USF Morada do Sol

– USF 1.304 Sul (Arse 131)

– USF Novo Horizonte (Jardim Aureny IV)

– USF Bela Vista

– USF Santa Bárbara

 

Unidades mistas com primeira e segunda dose – 09 a 11 de agosto

 

9 às 17 horas

 

– USF 409 Norte (Arno 44)

 

13 às 20 horas

 

– USF Francisco Júnior – 403 Sul (Arso 41)

– USF Satilo Alves de Sousa – 1.103 Sul (Arso 111)

 

13 às 17 horas

 

– USF Taquari

– USF Mariazinha Rodrigues da Silva (Buritirana) – agendamento na unidade

– USF Walter Pereira Morato (Taquaruçu) – agendamento na unidade

 

9 às 20 horas

 

– USF Albertino Santos – 1.004 Sul (Arse 101)