O Papa Francisco, de 84 anos, já recebeu a segunda dose da vacina contra o coronavírus, informaram fontes do Vaticano à agência de notícias France Presse.

O líder da Igreja Católica havia tomado a primeira dose da vacina da Pfizer e BioNTech no primeiro dia da campanha de vacinação do Vaticano, em 13 de janeiro. Ainda não foi informado se o papa emérito Bento XVI também recebeu a 2ª dose.

Mais de 5 mil profissionais da saúde, idosos, trabalhadores e seus familiares poderão ser vacinados nesta cidade-estado que fica no coração de Roma.

A campanha é voluntária e a vacina não será aplicada em crianças e pessoas menores de 18 anos porque o imunizante distribuído – desenvolvido pela Pfizer com a BioNTech – não foi testado nestes grupos.

No mês passado, Francisco disse que a vacina “não é opção, é ação ética” em uma entrevista transmitida pela televisão italiana.