Policiais da Delegacia do Consumidor (Decon) estouraram um aviário suspeito de comercializar pombos como se fossem galetos. No estabelecimento, situado no bairro Paraíso, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, os agentes encontraram grande quantidade de aves (pombos, galinhas, patos, codornas, entre outros) sem qualquer tipo de higiene e autorização dos órgãos fiscalizatórios. O proprietário foi preso em flagrante.

De acordo com o delegado titular da especializada, André Neves, os policiais foram ao estabelecimento após receberem denúncias. Os agentes encontraram um depósito de aves abatidas, onde as carnes estavam sendo comercializadas com as espécies misturadas, sem qualquer tipo de identificação e podendo ser comercializada.

O material foi encaminhado à perícia para atestar os animais que eram vendidos para o consumidor.