Uma ação da Polícia Federal foi iniciada na manhã desta quinta-feira (17) para apurar um grupo criminoso responsável por fabricar e distribuir moedas falsas em Palmas e cidades do Tocantins. A operação foi chamada de Fake Cash.

São 10 policiais federais cumprindo um mandado de prisão preventiva e uma ordem de busca e apreensão, expedidos pela 4ª Vara Federal de Palmas. Os mandados são cumpridos em Palmas e Monte do Carmo.

A PF informou que parte dos suspeitos possuem passagens pela polícia e condenações pela prática de furtos, receptação, posse e porte irregular de arma de fogo. Caso sejam condenados, os investigados poderão ser responsabilizados com pena de até 12 anos de reclusão.

O nome da Operação é uma tradução livre de “moeda falsa”, crime praticado pela organização criminosa.

Por  G1 Tocantins.