Não é segredo algum que os exercícios aeróbicos podem ajudar a evitar alguns dos efeitos do envelhecimento. Mas um crescente número de pesquisas sugere que a natação pode fornecer um impulso único para a saúde do cérebro.

Foi demonstrado que a prática regular de natação melhora a memória, a função cognitiva, a resposta imunológica e o humor. A natação também pode ajudar a reparar danos causados ​​pelo estresse e construir novas conexões neurais no cérebro.

No entanto, os cientistas ainda estão tentando desvendar como e por que a natação, em particular, produz esses efeitos de aprimoramento do cérebro.

Como neurobiologista treinada em fisiologia cerebral, entusiasta do condicionamento físico e mãe, passo horas na piscina durante o verão. Não é incomum ver crianças brincando e nadando alegremente enquanto seus pais tomam sol à distância – e eu fui um desses pais observando à beira da piscina muitas vezes. No entanto, se mais adultos reconhecerem os benefícios cognitivos e para a saúde mental da natação, eles podem ficar mais inclinados a pular na piscina com seus filhos.