Os donos de pequenos negócios de todo o Estado interessados em aumentar a produtividade e a competitividade de suas empresas já podem se inscrever para o novo ciclo do Programa Brasil Mais, que se inicia em março. Para as empresas de Araguaína e região serão disponibilizadas 66 vagas. As inscrições podem ser feitas no site www.gov.br/brasilmais.

O Programa é destinado a microempresas (ME) e empresas de pequeno porte (EPP). Por meio da metodologia aplicada através dos Agentes Locais de Inovação (ALI), durante o período de três a seis meses, os participantes recebem acompanhamento técnico para melhorarem suas práticas gerenciais.

De acordo com o gerente do Sebrae em Araguaína, Joaquim Quinta, essa é mais uma oportunidade que os pequenos negócios vão ter para receber o acompanhamento direto de um agente de inovação e que irá implementar, junto com o empresário, soluções inovadoras para os problemas e desafios enfrentados na sua empresa.

Quem já aproveitou essa oportunidade é o empresário Leonardo Prudêncio, dono da clínica de estética Val Prudêncio, em Araguaína. “Com o apoio dos Agentes Locais de Inovação conseguimos colocar em prática as melhorias que precisávamos. Sabíamos da necessidade, porém só executamos no decorrer da consultoria”, afirmou Leonardo.

Atualmente, o empresário está implantando um novo modelo de negócio, com a expansão para rede de franquias. “Até o final deste ano estaremos com mais esse projeto finalizado”, concluiu o empresário.

Como participar do Brasil Mais

O Brasil mais é uma iniciativa da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade (SEPEC) e Ministério da Economia, desenvolvida em parceria com Sebrae, Senai e ABDI. As inscrições podem ser feitas através do site: www.gov.br/brasilmais

O programa tem ações em dois eixos principais: melhores práticas produtivas, disponível para a indústria, e melhores práticas gerenciais, voltado para as micro e pequenas empresas de todos os setores. As empresas interessadas podem tirar dúvidas e receber orientações por meio dos canais remotos: 0800 570 0800 ou WhatsApp: 63 99712198.

Por AF Notícias