O Sistema Faet/Senar lançou o curso de Brigadista Rural, com o objetivo de capacitar os produtores e trabalhadores rurais para o combate às queimadas. No Tocantins, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o número de focos cresceu 29% em comparação com este mesmo período do ano passado. Por conta deste quadro que tem se repetido todo ano, o Senar realizará as orientações.

Com carga horária de 40 horas, o treinamento tem como objetivo mostrar aos participantes como prevenir queimadas, evitar a propagação de incêndios e até mesmo como agir após a queimada. O conteúdo deste treinamento inclui temas como comportamento do fogo, equipamentos adequados, ferramentas e EPIs para o combate às queimadas, ferimentos mais comuns entre outros.

Segundo o diretor do DEPPS, Luiz Claudio Farias, os incêndios nas propriedades são vilões a serem combatidos: “Além dos prejuízos na lavoura, eles também oferecem riscos para a saúde”, destacou. No período da seca, o Senar auxilia o homem do campo com o projeto de capacitação de brigadistas, cujo primeiro curso será realizado ainda em agosto no município de Dois Irmãos. Além do curso, o Senar oferece palestras sobre temas como a “Queima Controlada”.

Os interessados em fazer o treinamento ou participar das palestras devem procurar o Sindicato Rural do município. “Nossa agenda é mediante demanda e na medida que as solicitações ocorrerem vamos ampliando a ação do Senar nesse sentido”, destacou o diretor.