Termina na próxima quinta-feira, 31, o prazo para as famílias sorteadas na pré-seleção dos empreendimentos habitacionais Palmas Vertical Residence North I e II apresentarem documentação familiar para montagem de dossiês, que serão checados pelo Sistema de Tratamento de Arquivos Habitacionais (Sitah), gerido pela Caixa, a fim de garantir a habilitação no processo de seleção de futuros moradores dos empreendimentos.

A superintendente Municipal de Projetos Sociais, Sabrina Machado, reforça que o prazo para apresentação dos documentos é o mesmo para todos os 420 sorteados (210 pré-selecionados de cada empreendimento), assim como para os 156 suplentes sorteados. “Todos os pré-selecionados e suplentes devem comparecer ao Resolve Palmas da Avenida JK ou de Taquaralto com todos os documentos em mãos, cópia e originais”, frisou.

Os empreendimentos Palmas Vertical Residence North I e II estão sendo construídos com recursos do Programa Minha Casa Minha Vida do governo federal e atenderão 516 famílias de baixa renda de Palmas, sendo 420 sorteados e 96 apartamentos destinados às famílias do assentamento Cavan que já montaram os precessos. Os sorteios, realizados pela Loteria Federal, aconteceram nos dias 17 e 21 de agosto, respectivamente.

As famílias cadastradas e habilitadas à seleção podem conferir se foram sorteadas ou se constam no cadastro de reserva consultando a página criada especificamente para consulta de informações relativas a sorteios do Cadastro Habitacional Municipal e disponível para acesso no endereço eletrônico: http://habitacao.palmas.to.gov.br/.

 

Dossiês

Para enquadramento a família deverá comprovar de renda familiar bruta de até R$ 1.800, não ser proprietário, cessionário ou comprador de imóvel residencial e que não tenha recebido benefício de natureza habitacional oriundos de recursos orçamentários do município, dos Estados e da União.

Para comprovação de tais requisitos, a Secretaria Municipal de Habitação divulgou a relação de documentos necessários a montagem dos dossiês no Diário Oficial do Município (DOM) do último dia 1º de agosto de 2017. Conforme o edital de comunicação, é necessária a apresentação obrigatória de documentos originais e cópias do chefe da família e cônjuge, entre eles: RG, CPF, Comprovante da Regularidade do CPF (2 cópias) impressos do site www.receita.fazenda.gov.br ; certidão de nascimento ou casamento (2 cópias); declaração positiva ou negativa de união estável (2 cópias); certidão de óbito do cônjuge, se viúvo (2 cópias); comprovante de endereço atual (2 cópias); comprovante de renda (1 cópia); cópia do comprovante de tempo de moradia no município (de mínimo de 3 anos): carteira de trabalho, histórico escolar, declaração da unidade de saúde ou outro (1 cópia); certidão negativa de imóvel (01 cópia); número de identificação social (NIS) (1 cópia)  e folha-resumo do CadUnico retirado no Centro de Referência de Assistência Social (Cras).

 

Fonte: Ascom Palmas