A Fundação para Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp) será a responsável pela realização do concurso público para o quadro da Guarda Metropolitana de Palmas (GMP). A assinatura do contrato da fundação acontecerá nas próximas semanas. O anúncio foi feito pela prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, durante coletiva de imprensa para divulgação do balanço de gestão 2019 da Prefeitura de Palmas na tarde desta sexta-feira, 20.

O edital com o detalhamento do certame será divulgado no próximo ano. No entanto, já está confirmada a previsão de 50 vagas para contratação direta e outras 50 vagas para cadastro de reserva. O contrato custará aos cofres públicos R$ 1.299.735,00.

Conheça o perfil da Vunesp

Todo concurseiro de longa data sabe que conhecer a metodologia da instituição que organiza o concurso é parte importante da estratégia de preparação.

Isso porque cada banca tem suas particularidades e conhecê-las a fundo pode fazer toda a diferença na hora da prova e, claro, para a aprovação.

A Vunesp, por exemplo, é reconhecida como uma banca bastante tradicional, até mesmo fácil. No entanto, é preciso ficar de olho em suas pegadinhas. E para saber mais sobre ela, você chegou ao lugar certo!

A Vunesp foi criada em 1979 pelo Conselho Universitário da Universidade Estadual Paulista (UNESP) e é a responsável pela organização de seus vestibulares desde então. Por ser uma entidade sem fins lucrativos, também atua na realização da maioria dos processos seletivos do estado de São Paulo (e em algumas outras regiões do país).

Além disso, a Vunesp está a frente de diversos projetos de pesquisa, extensão e prestação de serviços à comunidade.

Perfil

A Vunesp tem fama de ser uma banca mais acessível na comparação com outras instituições mais renomadas, como FGV ou FCC. Contudo, vem evoluindo em conteúdo e grau de exigência nos últimos anos.

Como é originalmente uma entidade que organiza vestibulares, suas provas são sempre de múltipla escolha, com cinco alternativas. E é comum o enunciado solicitar que o candidato marque a resposta incorreta entre as opções.

Muita atenção também para as situações hipotéticas criadas nos enunciados. Nesse tipo de questão, a atenção deve ser redobrada para não errar na interpretação.

Ou seja, é preciso ter muito cuidado com essas pegadinhas, que podem confundir os mais desatentos em uma questão relativamente fácil.

Caso você marque mais de uma opção na questão, ou nenhuma, ela será anulada (não perde nem ganha pontos).

Ademais, mesmo sendo consideradas mais simples, as provas da Vunesp costumam cobrar praticamente todo o conteúdo programático. O que requer uma preparação cuidadosa e extensa de todos os pontos solicitados no edital.

Principais concursos

Além do vestibular da Universidade Estadual Paulista (UNESP), a Vunesp realiza todos os anos um grande número de processos seletivos. Apenas em São Paulo, a entidade é costumeiramente responsável pelos concursos da Polícia Militar, Polícia Civil, Ministério Público, Detran, Prefeitura e Tribunais.

A Vunesp é também uma das organizadoras da prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), ao lado da FGV (Fundação Getúlio Vargas) e da Cesgranrio.

Para ter acesso à lista completa de órgãos e instituições atendidas pela Vunesp, clique aqui.

Nível de dificuldade

Como já falamos, a banca examinadora Vunesp tem um grau de dificuldade médio, com questões relativamente mais fáceis que de outras bancas.

No entanto, suas provas vêm ganhando corpo com o passar dos anos e costumam trazer algumas questões que são verdadeiras pegadinhas para os candidatos.

Sendo assim, não pense que será uma barbada!

Afinal, as provas da Vunesp requerem muita atenção à forma como as perguntas e respostas são formuladas para evitar confundir-se com algo aparentemente simples.