A expectativa nos bastidores é de que o secretário da Governadoria, Joseph Madeira, possa ser exonerado. Ele foi nomeado nessa segunda-feira, 25, mas teve um surto nas últimas 24 horas. Neste momento o secretário está medicado, mas sua situação ainda é considerada delicada.

Por isso, o governador Wanderlei Barbosa (sem partido) vai esperar a recuperação dele para conversar e definir se o secretário fica ou deixa a gestão.

Assessores do secretário disseram à Coluna do CT que ele teve uma espécie de surto psicótico na noite dessa segunda-feira, 25, e ficou sumido por horas. Joseph foi encontrado na tarde desta terça-feira, 26, na sede da Polícia Federal, onde um advogado amigo o buscou e levou para casa.

Como opção a Joseph, um nome que vem sendo apontado é o do secretário de Cidadania e Justiça, Heber Fidelis, que já tem colaborado com o colega da Governadoria.